Loading...
Punkadaria

The Interrupters com novo albúm

No programa de hoje falaremos do terceiro álbum da banda de Interrupters, chamado Fight the good fight, traduzindo para o português,” Lute a boa luta”, este álbum era muito aguardo pelos fãs, e pela crítica, pois a carreira da banda é ascendente, sempre com discos primorosos e cada vez mais conhecidos mundialmente.

A banda foi formada em Los Angeles, Califórnia, em 2011. Seus integrantes são  Aimee Interrupter nos vocais, e três irmãos que são Kevin Bivona na guitarra, Justin Bivona no baixo e Jesse Bivona na bateria.

Os irmãos Bivona conheceram Aimee Allen , que era uma artista solo na época em 2009 enquanto viajavam com sua banda Telacasters, apoiando The Dirty Heads e Sugar Ray . Em 2011, Aimee e Kevin começaram a compor músicas juntos e trouxeram os irmãos de Kevin, os gêmeos Jesse e Justin, para tocar bateria e baixo. Isso levou os quatro a formarem The Interrupters.

A banda começou cedo, excursionando com bandas como Rancid , The Transplants,  Devil’s Brigade , e Left Alone ; além de tocar no festival de música americana Riot Fest em Chicago e Denver e no festival de música canadense Amnesia Rockfest , todos antes do lançamento de seu primeiro disco.

O primeiro single lançado foi a música “Liberty”, seguida pela música “Family”, que conta com um vocal de Tim Armstrong e foi lançada anteriormente através do projeto Tim Timebomb and Friends . Ambos os singles foram lançados como edição limitada de 7 “s através da Pirates Press Records .

Após o lançamento, a banda excursionou pelos EUA e Canadá em apoio ao álbum com nomes como The Mighty Mighty Bosstones, Street Dogs, Less Than Jake , Big D e The Kids Table , Reel Big Fish e Rancid; e excursionou pela Europa com Bad Religion; e também tocou no Soundwave Festival na Austrália e no Groezrock Festival na Bélgica.

Em 2 de maio de 2018, The Interrupters anunciaram o álbum Fight the Good Fight, produzido por Tim Armstrong, lançado em 29 de junho no Hellcat / Epitaph, que você ouvirá em primeira mão aqui no Punkadaria.

Ano passado, The Interrupters abriram os shows do Green Day na América Latina, ou seja, já tocaram em terras brasileiras, a banda, tem aquela pegada do SKA do fim dos anos 90 começo de 2000 e não deixa ninguém parado com suas músicas.