Loading...
Punkadaria

Rock N Roll Machine o novo disco do Turbonegro

Turbonegro

No programa Punkadaria de hoje João Albuquerque fala da banda Turbonegro (Turboneger em norueguês) é uma banda norueguesa que combina hard rock, rock e punk rock formando um estilo denominado “deathpunk”. As principais influências da banda são Black Flag, Aerosmith, Motörhead, Ramones , Alice Cooper, entre outros.

Com relação ao nome, inicialmente a banda tinha duas idéias em mente; Nazipenis e Turbonegro, porém, foram avisados de que uma banda chamada Nazipenis nunca iria vender discos, de modo que eles escolheram Turbonegro. O nome da banda levantou algumas sobrancelhas, e por esse motivo os seus primeiros lançamentos foram marcados por vezes TRBNGR, talvez pelo fato de alguns considerarem um nome racista.

Contudo, a banda afirma que suas motivações são anti-racistas, tentando mudar a atitude de racismo e o nacionalismo que é prevalente em partes da Escandinávia. Membro fundador Thomas Seltzer disse uma vez, “Um turbonegro é um grande, bem equipado, homem negro armado em um carro rápido, fora de vingança. Somos seus profetas.”

Você ouvinte terá na íntegra o novo disco da banda chamado Rock N Roll Machine, na escuta passada a breve introdução, o Rock’n’Roll empolgante de “Well Hello” criará empatia instantânea com o ouvinte e alguns traços de The Who poderão ser percebidos. Na sequência, “Rock’n’Roll Machine” não faz a mínima questão de esconder que bebe na fonte de canções como “TNT”, do AC/DC. Se seu pescoço ou o seu pé não estiverem se movimentando durante essa música, então você provavelmente precisa checar as suas articulações.

Em certos momentos, nota-se uma proximidade com a sonoridade da extinta banda sueca The Hellacopters. É o que transparece em “Hurry Up & Die”, por exemplo, mas logo os riffs calcados em AC/DC retornam, na faixa “Fist City”, que consegue até a proeza de sugerir como a banda australiana soaria se chamasse Iggy Pop para assumir seus vocais.

Com certeza um dos melhores álbuns da banda, o programa está imperdível.

Músicas de Turbonegro, Dead To Me, The Sword, BBS Paranoicos, Brina Fallon, Bad Religion e Ramones.