Loading...
Marginália

Precisamos falar seriamente de Pedofilia

Pedofilia

O programa Marginália de hoje fala sobre as denúncias de pedofilia de 2014 a 2017 e constrói sua playlist homenageando artistas reconhecidos que tiveram coragem de denunciar os abusos que sofreram durante a infância: Madonna, Axel Rose, Alanis Morisette, Pitty, Dolores O’Riordan, Chester Bennington, Rita Lee, Corey Taylor e Marilyn Manson.

A linha do tempo das denúncias veiculadas pela mídia tradicional.

  • 2014

Fantástico:(Manaus AM/Operação Estocolmo): Políticos e empresários são acusados de pagar por programas com menores. As meninas foram seduzidas e receberam instruções bem detalhadas para se transformar em garotas de programa. Foram indiciados o deputado estadual Fausto Souza e irmão do deputado federal Carlos Souza, ambos do PSD, o ex-prefeito do município Jutaí, Asclepíades da Costa (PR), os empresários Waldery Areosa Ferreira, do ramo de educação e turismo, e o empresário do setor de transportes José Roberto Afonso.

  • 2015,

Fantástico: (Campo Grande MS)Políticos e empresários eram clientes de rede de prostituição com crianças. Duas redes de prostituição infantil que agem em Campo Grande, a capital do estado.Em abril de 2015, o ex-vereador Alceu Bueno (sem partido) e o ex-deputado estadual Sérgio Assis (PSB) foram indiciados por suspeita de manter relação carnal com menor na forma de exploração.

R7:(Roraima) PF diz que 14 menores foram aliciadas em esquema de pedofilia em Roraima 

  • 2016

Brasil de Fato: (Campos de Goytacazes RJ)O irmão do ex-governador do Rio de Janeiro Anthony Garotinho, Nelson Nahim, que é ex-vereador de Campos de Goytacazes, está preso junto com outros políticos locais pelos crimes de estupro e submissão de criança e adolescentes à prostituição e exploração sexual. Outras dez pessoas, incluindo um policial militar, foram condenadas pelo caso que ficou conhecido como “As Meninas de Guarus”.  Cerca de 12 crianças e adolescentes entre 8 e 16 anos mantidas presas em uma casa onde eram obrigadas fazer sexo com homens adultos e a consumir drogas.

G1: (Londrina PR)PF diz ter identificado ‘entre 20 e 50’ pedófilos na região de Londrina.

Brasil Urgente:(Araçatuba SP) Rede de pedofilia na região de Araçatuba. Eles aliciavam garotos de 10 a 17 anos. Usavam os garotos em festas realizadas em sítios.

Correio Popular (Campinas SP):A Polícia Federal de Campinas apreendeu na manhã desta terça-feira em Campinas três notebooks durante a segunda fase da Operação Darknet, que tem por objetivo combater uma rede de distribuição de pornografia infantil na chamada Deep Web. Ninguém foi preso.

R7:(Caldas Novas GO) No mesmo sábado em que o Papa Francisco determinou a destituição de bispos que acobertassem casos de pedofilia na Igreja Católica, um sacerdote da Arquidiocese de Uberaba (MG), o padre Fabiano Santos Gonzaga, de 28 anos, foi acusado de abusar sexualmente de um menor de idade, em Caldas Novas (GO). O garoto de 15 anos, portador de deficiência mental, é de Brasília e estava hospedado junto com a mãe, que não estava com ele no momento do abuso.

G1: (Rio de Janeiro)Coronel reformado da PM é preso por suspeita de pedofilia no Rio. Segundo a PM, oficial estava com criança de 2 anos nua e tentou suborno.

Correio 24h (Rio de Janeiro RJ): O pastor Felipe Garcia Heiderich, marido da pastora Bianca Toledo, foi preso após abusar do próprio enteado de 5 anos, segundo revelou nesta quarta-feira (6), em plenário, o senador e pastor Magno Malta (PR-ES). Malta, que é amigo de Bianca, chamou Felipe de “falso pastor”. Felipe Heiderich está preso no Complexo de Bangu, no Rio de Janeiro, por estupro de menor de 14 anos.

Globo News: Alexandre Garcia faz uma reportagem especial falando da pedofilia e do caso do coronel reformado. 25 mil crianças abusadas no ano.

  • 2017

G1:(São Francisco do Sul  SC)Um padre da Igreja Católica foi preso em Joinville, no Norte de Santa Catarina, na sexta-feira (9) suspeito de pedofilia, conforme a Polícia Civil. Os casos teriam acontecido em São Francisco do Sul, quando o religioso atuava na Paróquia Santa Paulina, na praia de Ubatuba. Ele é suspeito de abusar de pelo menos cinco meninos, de 12 e 13 anos.

Portal Correio: (PB) O processo de investigação sobre casos de pedofilia envolvendo o bispo emérito da Paraíba, Dom Aldo di Cillo Pagotto.

G1:(MG) Uma operação da Polícia Civil para combate à pedofilia terminou com nove pessoas presas em cidades do Sul de Minas na madrugada desta quarta-feira (21). Batizada de ‘Anjos da Lei’, a ação contou com a participação de 40 policiais. De acordo com a Polícia civil, foram cumpridos nove mandados de prisão e de busca e apreensão contra suspeitos de pedofilia e agenciamento de menores na região, envolvendo meninas com idade média de 13 anos começaram a chegar no início do ano.

Página da CPIP – A CPI da Pedofilia foi instalada em maio Comissão Parlamentar de Inquérito da Pedofilia para investigar e apurar a prática de crimes de pedofilia no Distrito Federal, apontar as causas de impunidade e do aumento de número de casos demonstrados pelos dados oficiais.

G1 – 25/07/2017Polícia Federal (PF) cumpre a segunda fase da Operação Glasnost, que investiga exploração sexual de crianças e o compartilhamento de pornografia infantil na internet, na manhã desta terça-feira (25). A ação cumpre mandados em 51 cidades de 14 estados brasileiros. Os investigados produziam e armazenavam fotos e vídeos de crianças, adolescentes e até mesmo de bebês com poucos meses de vida, muitos deles sendo abusados sexualmente por adultos. As ordens judiciais estão sendo cumpridas no Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Goiás, Ceará, Pernambuco, Bahia, Maranhão, Piauí, Pará e Sergipe.

G1: (Austrália) Quase 4,5 mil casos de pedofilia na Igreja Católica são denunciados da Austrália. Relatório incluiu casos de 1980 a 2015. Dados apontam para centenas de religiosos, 93 deles em altos cargos da Igreja, e afetam mais de mil instituições.

RFI: (França) Após denúncias, Igreja francesa reconhece casos de pedofilia. Além disso, a reportagem revelou um esquema de transferências criado para abafar os escândalos, por meio do qual se enviava padres pedófilos para o exterior, totalizando 95 transferências de religiosos, que podem ter abusado de 802 vítimas.

Band News –Está preso um pastor de uma igreja evangélica de Curitiba, suspeito de assediar sexualmente um menino de 13 anos. O local e o horário foram combinados por orientação da polícia. Por meio de um aplicativo de mensagens instantâneas, Alvocir José Negrello tentava fazer com que a criança enviasse fotos íntimas.