Loading...
Paralelo: Zero

Política e rock com Pearl Jam, Descendents, Calexico e muito mais

Pearl Jam

Nesta edição, o Rock que ainda quer mudar o mundo. Começamos com a jornada clássica de quem teve um coração partido e transformou suas desilusões em canções de amor na volta dos Selvagens à Procura de Lei e Cauê, que anda fazendo ska pra chamar atenção de uma menina.

Assine o podcast:

Depois, a banda Envolto, com uma voz que você poderá reconhecer. É do vocal do Dead Fish, Rodrigo Lima, que faz uma participação na faixa Velho Jogo.

Depois vem Sunflower Bean, o fenômeno indie pop que vai conquistar seu coração, The Chamanas, conexão mexicana com a belíssima Alma Ciega e a envolvente Morinho, de Vieira, uma belíssima declaração que aquece o coração.

Outra volta muito bem-vinda ao mundo da música é o primeiro single do disco novo do Leon Bridges, Bet Ain’t Worth the Hand.

Que letra incrível tem Eu Pareço Fofa Mas…, do Compositor Fantasma e Natália Pavan. Aliás, essa fornada atual da nossa música é muito forte na caneta.

Grandes bandas soltaram faixas inéditas com tom político. Começamos com Can’t Deny Me, do Pearl Jam, que aliás fez outro show sensacinal como do headliner do Lollapalooza Brasil desse ano. A letra da música nova do Pearl Jam é assim:

Suas mentiras são doentes
Doentes e malignas
Mas você não vai me ignorar

Depois vem Descendents, com Who We Are, que diz o seguinte:

Nós precisamos no unir
Mas eles nos jogam uns contra os outros
Mas se você parar para pensar
Temos um inimigo em comum
É aquele que diz que devemos sentir ódio
Mas sabemos que o ódio vai destruir esse lugar
Então estou te chamando para se juntar a nós
E começar a lutar pelo que é certo

E o bloco termina com Calexico e End of the World With You, que emenda algo mais ou menos assim;

Foi você quem disse que as guerras frias acabaram
E encontrei o amor na era dos extremos
Agora quero espalhar os mitos
E caminhar até o começo do fim do mundo com você

Ainda acreditando que o rock pode mudar o mundo, ouvimos belos lançamentos em momentos políticos. Olha, não sei se o rock pode mudar alguma coisa com tanta gente achando que as coisas estão ótimas assim como estão. Mas pelo menos despertam uma fagulha, provocam, fazem a gente pensar, questionar, duvidar. E pode ser que aquele pedacinho de uma letra de música ajude a fazer a ficha cair para alguma pessoa que esteja de bobeira por aqui e ainda não entendeu pra onde as coisas estão se encaminhando.

O programa termina com Skarimbó, Luneta Mágica e Fuscão Preto, clássico na versão de Rodrigo José.

Veja a programação completa abaixo:

Gostar Só Dela – Selvagens à Procura de Lei
Ska Pra Vender – Cauê
Velho Jogo – Envolto, Rodrigo Lima
Twentytwo – Sunflower Bean
Alma Ciega – The Chamanas
Morinho – Vieira
Bet Ain’t Worth the Hand – Leon Bridges
Eu Pareço Fofa Mas… – Compositor Fantasma, Natália Pavan
Can’t Deny Me – Pearl Jam
Who We Are – Descendents
End of the World With You – Calexico
Emaranhado – Skarimbó
Parte – Luneta Mágica
Fuscão Preto – Rodrigo José