Loading...
WebTV

Músicos londrinenses apresentam músicas do sul

Sul

Com tangos, milongas e poesias, músicos apresentam uma versão londrinense do “movimento subtropicalista”. Vindos de diferentes grupos e bandas de Londrina, Rakelly Calliari, Israel Laurindo, Alexandre Arrigo e Eduardo Calliari iniciaram, em maio, o projeto “Trilhas do Sul”, um mergulho sonoro muito abaixo da linha do Equador – na verdade, sob o Trópico de Capricórnio – que reúne poesia, milongas paraguaias, tangos argentinos e outras canções intimistas de músicos oriundos “del Sur”, como os gaúchos Vitor Ramil, Dante Ramon Ledesma, Elis Regina, Adriana Calcanhoto, Frank Jorge e até Lupicínio Rodrigues.

Do outro lado da fronteira, referências musicais do uruguaio Jorge Drexler, da argentina Mercedes Sosa e da chilena Violeta Parra, entre outros. Dentro do projeto estão cantores e instrumentistas londrinenses de diferentes vertentes, como o samba (Rakelly e Israel), o rock progressivo (Eduardo) e a música celta (Arrigo). “É uma maneira de buscarmos as referências importantes que a música brasileira sempre carregou, só que de maneira bem demarcada. Músicas de Mercedes Sosa e Violeta Parra, por exemplo, estão no nosso inconsciente o tempo todo, nossa parte latina que sempre aflora quando as escutamos no rádio, num show ou num barzinho”, explicou a cantora, compositora e pesquisadora Rakelly Calliari, cuja ascendência familiar é inteiramente gaúcha.

A criadora do projeto se refere a exemplos como “Gracias a la vida”, clássico de Violeta Parra bastante conhecida pelo público brasileiro. Aqui, sugerimos uma síntese maior: a música “Volver a los 17”, composição da chilena, mas com a interpretação inesquecível de Mercedes Sosa junto com o carioca-mineiro Milton Nascimento. Ou ainda este encontro histórico da música sulamericana: https://www.youtube.com/watch?v=krEMw…

Da nova geração de músicos inquietos, estão Vitor Ramil e Jorge Drexler, ambos milongueiros, pensadores e difusores do conceito “A Estética do Frio”, um olhar sobre o cenário musical do extremo sul como um todo.

Como disse Ramil em 2003, durante uma conferência sobre o tema na França, “a Estética do Frio, com a convicção de que uma concepção artística exige liberdade de movimentos e o oxigênio do correr dos acontecimentos para sobreviver, é uma viagem cujo objetivo é a própria viagem”. Para saber mais sobre a “Estética do Frio”, acesse o livro de autoria do músico, compositor e escritor Vitor Ramil: http://www.vitorramil.com.br/textos/V…

Sobre o Trilhas do Sul, os artistas garantem que, em breve, haverá outra edição do projeto. Por que? “Porque nunca deixamos de ser americanos… del Sur!”

Projeto musical “Trilhas do Sul” foi lançado em 16 de maio de 2018, no Bar Valentino, e tem a seguinte formação: Rakelly Calliari – Voz; Israel Laurindo – Violão 7 cordas; Alexandre Arrigo – Acordeom; Ft. Eduardo Calliari – Guitarra e efeitos