Loading...
Conexão Nova Cena

Macaco Bong faz releitura do Nevermind

Macaco Bong

Não é de hoje que a banda de Cuiabá, Macaco Bong, se destaca no cenário alternativo nacional. Recentemente a banda surpreendeu com seu novo lançamento, o disco Deixa Quieto, que na verdade é uma grande homenagem ao épico disco do Nirvana, Nevermind.

Essa releitura instrumental de altíssimo nível e muito bom gosto, traz versões que em muitos momentos se perdem da referencia, mostrando toda originalidade da banda mas sempre voltando ao tema principal. No meu ponto de vista, como fã do Nirvana, o Macaco Bong ousou e deu certo, pois as dinâmicas usada na gravina dão um tom completamente contemporâneo a essa obra prima dos anos 90.

Macaco Bong sempre chamou muita atenção com seu som instrumental visceral e alucinante. No início de sua trajetória participaram do Circuito Fora do Eixo, sendo atração em festivais como o Grito Rock (MT), Calango (MT), Goiânia Noise Festival (GO), MADA (RN),Demo Sul(PR) entre outros. Eles que começaram como quarteto mas se firmaram na cena como power trio.

Uma banda que voa do rock progressivo e do alternativo ao jazz, o Macaco Bong recebeu críticas positivas de publicações como as revistas Bizz e Rolling Stone, os jornais Estadão e Folha de São Paulo.  O Macaco Bong já dividiu palco com nomes de peso como System of a Down. Quando abriram este show em 2011, na verdade o Macaco Bong foi escolhido pelo próprio System para a abertura, após receberem uma lista de recomendações com diversas bandas brasileiras. Neste dia, Macaco Bong se apresentou para um público de aproximadamente 60 mil pessoas.

Também abriram para bandas como The Mars Volta, Rage Against the Machine e Os Mutantes no Festival SWU. Dividiram palco com Sonic Youth e Iggy Pop no Festival Planeta Terra. Entre as turnês no currículo da banda estão países como Argentina, Chile e Uruguai na América do Sul, o Festival Pop Montréal no Canadá, na América do Norte e também Europa, no Festival Primavera Sounds, na Espanha.

Se você, como eu, é fã de Nirvana e gosta de versões inusitadas, esse edição do Conexão Nova Cena é pra você.