Carregando...
Mulheres Marcadas

Londrina: patrulha Maria da Penha

Patrulha Maria da Penha

Dos 457 atendimentos realizados pela patrulha Maria da Penha no ano de 2017, 125 foram para mulheres que já estavam sob medida protetiva.
Em busca de mecanismos para combater a insistência do agressor, a cidade de Londrina implantou em 2015 a patrulha Maria da Penha, que tem por finalidade garantir o cumprimento das medidas protetivas às mulheres que foram marcadas pela violência doméstica.


Mulheres Marcadas teve desde o início o objetivo de levar até a população, principalmente para o público feminino, o conhecimento a respeito da gravidade da desvalorização de gênero. Tendo em vista tantos dados alarmantes envolvendo questões femininas, como as elevadas taxas de feminicídio, acreditamos ser importante discutir sobre tudo isso em um único material. A série buscou humanização por meio de relatos reais de vítimas e de especialistas capazes de contextualizar o público.

Colaboradoras: Bruna Melo, Gabrieli Chanthe e Maria Caroline Monteiro
Orientador: Reinaldo César Zanardi