Loading...
Geração Z

Felipe Catto, de Lajeado para os palcos.

Felipe Catto

O Geração Z dessa semana vem falar de Felipe Catto, ele nasceu em Lajeado, no dia 26 de setembro de 1987 é  cantor, instrumentista, compositor, ilustrador e designer brasileiro. E é considerado um dos melhores cantores da Nova MPB. Ele ganhou fama ainda muito jovem, voltado para a MPB, o samba e o tango moderno.

Com o tempo, avançou para outros gêneros, como o jazz, o rock e o bolero, entre outros. Já dividiu o palco com outros grandes artistas nacionais, como Maria Bethânia, Ney Matogrosso, Vanessa da Matta, Toquinho, Daniela Mercury, Zélia Duncan, Arnaldo Antunes, Nando Reis, Dzi Croquettes, entre outros.

Suas canções são conhecidas por constarem em trilhas sonoras de sucesso, como “Saga” (trilha da novela Cordel Encantado), “Quem É Você” (trilha da novela Sangue Bom), “Adoração” (trilha da novela Saramandaia) e “Flor da Idade” (trilha da novela Jóia Rara).

Apesar de nascido em Lajeado, cresceu e foi criado na capital gaúcha Porto Alegre. Ainda menino, can tava em bailes e festas com o pai e, numa de suas primeiras experiências, enfrentou uma plateia de três mil pessoas. Na adolescência, participou de algumas bandas com influências de rock. Em 2006 iniciou sua carreira solo e começou a se apresentar em bares e divulgar seu trabalho pela internet.

Em 2008 montou com o diretor João Pedro Madureira o show “Ouro e Pétala”, composto de voz, violão e palmas e se apresentou em teatros. Quando se viu pronto, lançou pela internet o EP “Saga” em 2009 para download gratuito, o que marcou o início sua carreira profissional.

Formou-se em design pela ESPM-Sul. Em 2010 mudou-se para São Paulo e seu trabalho começou a ganhar mais visibilidade. Em 2011 a música “Saga” entrou para a trilha sonora da novela Cordel Encantado. Filipe Catto assinou contrato com a gravadora Universal Music e gravou o seu primeiro álbum: “Fôlego”. Em novembro de 2011 estreou a turnê “Fôlego” no Theatro São Pedro (Porto Alegre).

Dois dias antes do lançamento do seu segundo álbum, Catto se apresentou com a Orquestra Sinfônica e o Coro Lírico de Minas Gerais no Palácio das Artes em Belo Horizonte, onde foram executadas suas próprias músicas com arranjos compostos especialmente para essa apresentação. Bom mas se eu contar tudo sobre ele aqui não vai ter graça, então embarca nessa viajem sobre a carreira de Felipe Catto.