Loading...
É Babado, Kyrida

Escola e coração partidos

Tomem cuidado! Hoje falaremos de assuntos sérios, como política e educação! A política na educação da “Escola sem Partido”, ou melhor, da escola de coração partido: educar pessoas a respeitar o próximo, formar cidadãos e cidadãs – como ficam essas questões quando a “Ideologia de Gênero” e a “Escola sem Partido” ganham força? No programa de hoje, contamos com os quadros “Minuto Trans”, “Nossa Língua Pajubá” e o “Aquenda” para ampliar esse debate.

Um “Minuto Trans” de cidadania. Votamos, exercemos a cidadania, temos direito de participar da política e por ela sermos representadas. A partir dessas eleições, o Congresso Nacional vai ter mulher preta, vai ter travesti… potências, vivências, com orgulho e em corpo – corpo político.

No “Nossa Língua Pajubá” tem mais uma história babado para se aquendar ao nosso dialeto! A mona resolveu contar à sua amiga ter visto o bofe que ela gosta dando bandeira no shopping – ele estava até fazendo a linha banheirão! E olha que não tem ninguém fazendo a maldita aqui não, viu? O bofe é das truqueiras, tem que desaquendar dele!

“(Des)Aquenda” da ideologia de gênero! A entrevistada do dia, Martha Ramírez, Antropóloga e professora da Universidade Estadual de Londrina (UEL), conta como a falta da reflexão daquilo que se considera feminino e masculino acaba por fomentar processos múltiplos de violência, em especial às pessoas T. Ela nos explica como gênero está para além de uma noção meramente biológica e psicológica, e bastante relacionada às expectativas sociais na construção da normativa feminino/masculino.

Para embalar o programa e a discussão, tem “Brazilian Bitch” de Rosa Luz (Prod. Beats by Velhot) e “Tendão de Aquiles”, com As Bahias e a Cozinha Mineira.