Loading...
Marginália

Entre Chomsky e Foucault: A verdade é um duelo de percepções.

O programa Marginália de hoje fala a respeito de um debate sedutor sobre filosofia e política gravado para a televisão holandesa em 1971 e mediado pelo filósofo Fons Elders.

Em uma época de enorme transformação social, dois dos maiores intelectuais do mundo, Noam Chomsky e Michel Foucault foram convidados a discutir sobre o seguinte tema: Existe uma natureza humana “inata” que independe das experiências e influências externas?

Em pauta, emancipação social, violência “revolucionária” e papel do proletariado, resultou em um debate feito em tom profético onde os dois filósofos anunciaram questões que hoje são lugar-comum nas discussões sócio-políticas. As posições assumidas por cada um estabeleceram um bom meio de mapearmos as posições filosóficas (muitas vezes, tomadas sem a pessoa saber que está nessa posição) que embasam diversas opiniões circulantes.

Uma das questões que emergiu da discussão é: será que o discurso da imparcialidade é, no fundo, uma estratégia retórica para garantir legitimidade ao discurso da mídia tradicional; ou seja, a imparcialidade é uma faceta da manipulação?

A proposta de Chomsky se relacionava mais com a ideia de criatividade do indivíduo (de modelo mental), versou sobre as ideias inatas, as estruturas inatas, os esquematismos e os princípios inatos de organização. Acreditava que os esquematismos ou princípios inatos de organização guiam nosso comportamento social, intelectual e individual. A criatividade tem um papel importante, todos nós somos criativos.

A proposta de Foucault se liga mais à dimensão cultural dos processos coletivos de significação social, com ideias embasadas nas regras e hábitos pensar-e-fazera qual chamamos de cultura, a que todo indivíduo está sujeito. Este sistema não é uma coisa ou uma ideia, mas reside entre os dois. A história do pensamento deve ser contada pelas transformações descontínuas entre uma rede e outra.

Na playlist as bandas Bebados Habilidosos, Plebe Rude, Nina Hagen, Som Nosso de Cada Dia, Inocentes, Molotov, Cypress Hill, The Toy Dolls e Beastie Boys.

Para assistir ao vídeo do debate clique no link: https://www.youtube.com/watch?v=2ZlzoWBVqkE