Carregando...
Jornalismo Cultural

De Mozart a Carlinhos Brown – entrevista com o arranjador Alfredo Moura

Alfredo

Por Thiago Franzim
Foto Fábio Alcover

“Separar música clássica e popular é papo furado”. Essa é apenas uma das afirmações feitas por Alfredo Moura, um dos grandes arranjadores da música brasileira. Moura, que está em Londrina, é um dos principais arranjadores da música baiana e já trabalhou com nomes como Daniela Mercury, Carlinhos Brown, Raimundo Fagner, Gilberto Gil, Caetano Veloso entre outros.

Alfredo Moura participa nesta quinta-feira no Centro Cultural SESI/AML do “Concerto de São João” junto com a Orquestra Bravi. O compositor falou com exclusividade a AlmA Londrina Rádio Web. No show estão músicas selecionadas e arranjadas por ele.

O repertório, executado por 21 instrumentistas da Orquestra Bravi, traz onze músicas, dentre elas “Assum Preto” (Luiz Gonzaga e Humberto Teixeira), “Esperando na Janela” (Targino Gondim, Manuca, Raimundinho do Acordeon) e rapsódias a partir de outros temas de Gonzaga, Genival Lacerda, João Gonçalves, além de motivos de domínio público. Em um dos números, chamado “Ludwig van Gonzaga”, propõe-se um inusitado encontro de Beethoven com o Rei do Baião.

Na entrevista Alfredo Moura comenta sobre sua obra, processo criativo e fala sobre a música brasileira hoje em dia.

Acompanhe no podcast de Thiago Franzim.

SERVIÇO:
“Concerto Comemorativo de São João”, com Orquestra Acadêmica Bravi a partir de arranjos de Alfredo Moura
Dia 13 de junho (quinta-feira)
Às 19 horas
No Centro Cultural Sesi/AML
(R. Maestro Egídio Camargo do Amaral, 130, em frente à Concha Acústica)
Entrada: Beneficente (1 litro de leite integral, que será doado ao Lar de Idosos Maria Tereza Vieira)