Loading...
Azylo Hotel

Cruzando os EUA com o Blues e Alan Lomax

Alan Lomax

Esta foi uma semana carregada de blues. Todos espertos e riscando o asfalto. Abrimos com o álbum de Alan Lomax, um estudioso da matéria e de estilos como o Cajun e o Southern Blues do sul dos EUA.

Peguei carona no blues do The Who. Passei pelo legitimo blues de San Francisco, Califórnia e estou parado na FM da Net, rádio exclusiva de Blues. Aqui no Azylo a caldeira ferve e os blues saltam fora, querendo desde tudo até a sua cabeça. Vejamos o que se pode fazer nesta programação com forte influências do Blues.

Alan Lomax tem em casa mais de 17.400 álbuns históricos, vamos começar por ele. Um folclorista, musicólogo e arquivista estadunidense da musica folclórica norte americana, caribenha e européia. Alan Lomax já gravou com Leadbelly, Jelli Roll Morton e Muddy Waters, além de livros, programas de rádio e palestras a respeito. Hoje ele apresenta uma música tirada de seu álbum contendo canções da era da escravidão logo ali nos anos 50. Imperdível!

Ele voltou gritou à rapaziada do Rock In Rio, quando viu seu nome nos músicos do Gun’s N’Roses. Ele está aqui batendo cartão na mansão. A Pedra, Bezzy Mates, Saile & J.J.Guitar, Juninho e Marcos Angélico, defendem o hall dos londrinenses.

ZZ Top faz um blues de sete minutos e joga a toalha para o Ministry. Hula Blues Band, uma homenagem a Walter Trout de grande impacto. Zappa & Sugar Canes Harris fazem um vigoroso blues com o violino e vocal de Sugar. John Mayall junto com Eric Clapton ressurgem com o Bluesbreaker. Flavio Guimarães vem com uma tirada do seu álbum ao vivo.

Hula Blues Band e Rammstein fecham o ao vivo no quintal da mansão. Esperando que tenham gostado, que é isso o que fazemos de melhor e vem aí novidades, fique atento. Até a próxima.