Carregando...
Jornalismo Cultural

Dia da Visibilidade Trans – Ato no Centro Cívico reúne coletivos em Londrina

O dia 29 de janeiro, data Nacional dedicada à Visibilidade Trans, aqui em Londrina foi marcado por palestras abertas ao público a fim de esclarecer algumas questões e direitos da comunidade Trans. O encerramento da programação sobre a Visibilidade ocorreu no Centro Cívico na última terça (29) com um manifesto e mensagens contra a transfobia.

Texto e Fotos – Camila Rosa

Recentemente em Londrina o assassinato de uma trans revoltou a população, o crime impune levanta questões da violência contra a comunidade Trans, o Brasil é o país onde mais se mata travestis, o que faz com que a expectativa de vida delas seja de apenas 35 anos, muito abaixo da média. Vicky Reale uma das coordenadoras do coletivo Scarlett O’Hara ressalta a falta de respeito e violência contra pessoas da comunidade trans. “Infelizmente a nossa sociedade é muito transfóbica, então acaba não abrindo espaço no mercado de trabalho para essas meninas trabalharem, para a gente trabalhar, e muitas vezes o que nos resta é a prostituição, sabe”.

Estavam presentes no evento alguns coletivos, Scarlett O’Hara, Elity Trans, Fórum LGBT, Mães pela Diversidade, Movimento Construção e Resiliência T., com o lema: Existimos e resistimos, encerrando o dia da Visibilidade com a exibição de um documentário realizado por um jornalista transexual.